Dep. Leticia Aguiar pede apoio do Governo para Campos do Jordão e Monteiro Lobato

Cidades da Serra da Mantiqueira foram atingidas por fortes chuvas na noite desta terça-feira

0
72
Deslizamento de Terra em Campos do Jordão
Deslizamento de Terra em Campos do Jordão. Foto: Prefeitura Municipal

A deputada estadual Leticia Aguiar oficiou o Governo do Estado de São Paulo, solicitando apoio, às Prefeituras de Campos do Jordão, Monteiro Lobato e Santo Antônio do Pinhal, nas ações de recuperação das cidades e ajuda á população atingidas por fortes chuvas na noite desta terça-feira (24).

A parlamentar enviou mensagens aos Prefeitos Marcelo Padovan de Campos do Jordão, Edmar José de Araújo de Monteiro Lobato, e ao Prefeito “Parrão”, de Santo Antônio do Pinhal, para prestar solidariedade, apoio e colocar o mandato à disposição, afim de solucionar com a maior brevidade possível os problemas de queda de barreiras e outros estragos causados pelas fortes chuvas.

A deputada Leticia Aguiar também enviou mensagem ao vice-governador, Felicio Ramuth colocando-se a disposição para apoiar as ações do Governo.

Oficio Campos do jordão, Monteiro e Sto Antonio
Ofício enviado ao Governo do Estado

“Recebi a informação que as Prefeituras e a Defesa Civil das duas cidades agiram rapidamente, entretanto, mesmo em época de chuvas e temporais de verão, o apoio do Estado, sejam em recursos financeiros, equipamentos ou até mesmo em ações sociais, são bem vindas, por isso já oficiei o Governo para que as medidas emergenciais sejam tomadas com a rapidez necessária”, disse a deputada Leticia Aguiar.

A equipe da defesa civil estadual, também foi acionada pela deputada Leticia Aguiar, e informou que está em contato com as defesas civis municipais, que estão em campo verificando as áreas atingidas, casas inundadas e contabilizando os estragos.

A defesa civil estadual colocou-se à disposição e aguardando mais informações para ver as formas do Estado apoiar de maneira imediata os municípios.

Veja abaixo um balanço da situação dos municípios.

Campos do Jordão

Segundo a Defesa Civil de Campos do Jordão, foram registrados 43 milímetros em 35 minutos de chuva. Esse número equivale uma precipitação de 43 litros de chuva por metro quadrado, o que seria normal para três dias de chuva.

A forte chuva atingiu, principalmente, os bairros Abernéssia, Fracalanza, Britador e Albertina, todos na região central da cidade.

Alagamentos

Foto: Prefeitura Municipal de Campos do Jordão

O Rio Capivari ficou cheio, causando pontos de alagamento nas vias principais da cidade e em alguns estabelecimentos comerciais no Fracalanza.

Após o termino da chuva, a Defesa Civil escoou a água rapidamente, liberando o trânsito aos veículos.

Deslizamentos de terra

Uma residência na Rua F, na Vila Albertina, foi atingida por um deslizamento de terra.

Uma família com cinco pessoas foi retirada do local e está na casa de parentes.

Também foram registrados deslizamentos de terra sobre via pública nos bairros Fracalanza e Albertina.

Quedas de muros e árvores

Além disso, a Defesa Civil registrou quedas de muro próximo ao Restaurante Saint Moritz, no Capivari, na Rua Júlio Graciliano no Floresta Negra e na Rua C, no bairro Floresta Negra 2.

Também houve queda de árvores na rua Ondina e na Avenida Tassaburo Yamaguchi, ambas na Vila Albertina.

Apesar dos estragos, não houve nenhuma vitima nas ocorrências registradas.

As equipes da Prefeitura de Campos do Jordão seguem atendendo às solicitações dos moradores.

A Secretaria de Serviços Urbanos de Campos do Jordão realizou ao longo da noite retirada de barreiras, dejetos e desbloqueio de vias públicas para o tráfego de veículos.

A operação limpeza prossegue nesta quarta-feira (25).

Monteiro Lobato

As Chuvas intensas que atingiram Monteiro Lobato durante a noite desta terça-feira (24) causaram estragos na cidade. Segundo a prefeitura, há famílias desalojadas.

Os bairros considerados baixos foram os mais atingidos, onde a água invadiu diversas casas. A região central também foi afetada, ficou alagada e começou a quarta-feira (25) com muita lama e sujeira.

Segundo a Defesa Civil, outras famílias ficaram desalojadas e foram para a casa de parentes. No entanto, ainda não há um balanço do número de pessoas atingidas.

A rodovia SP-50, que liga Monteiro Lobato a São José dos Campos, também ficou alagada, o tráfego na via foi prejudicado durante a noite, mas logo no início da manhã desta quarta, o problema já estava resolvido.

Santo Antônio do Pinhal

Segundo as primeiras informações da Prefeitura Municipal, dois bairros da cidade foram os mais atingidos em função da grande quantidade de água que desceu de Campos do Jordão, pelo menos duas pontes foram destruídas deixando algumas famílias ilhadas.

No Bairro José da Rosa a Estação de Tratamento de Água que ficou submersa, a estação abastece cerca de 1.200 habitantes que serão atendidos com caminhão pipa.

Seis casas foram alagadas mas as equipes da defesa civil e da prefeitura Municipal trabalharam a noite toda no apoio á população.

COMENTÁRIOS:

Por favor coloque seu comentário!
Por favor entre seu nome aqui