Leticia Aguiar, Ana Campagnolo e Eliana Ribeiro fazem LIVE contra a sexualização infantil

Deputadas estaduais e cantora debatem o projeto Infância Protegida

0
364
Deputadas Ana Caroline Campagnolo, Leticia Aguiar e Eliana Ribeiro

Na próxima segunda-feira 21 de junho, às 19h, as redes sociais vão acompanhar um encontro especial entre a deputada estadual por São Paulo Leticia Aguiar, a deputada estadual por Santa Catarina Ana Caroline Campagnolo e a cantora Eliana Ribeiro, as três se encontrarão em um debate virtual para falar sobre o projeto Infância Protegida.

O Projeto de Lei denominado INFÂNCIA PROTEGIDA, visa proibir a utilização de verba pública em eventos e serviços que promovam a sexualização de crianças e adolescentes.

Este projeto nasceu quando foi apresentado pela deputada estadual Ana Campagnollo de Santa Catarina-SC, depois que tomou conhecimento que a população de Itajaí foi surpreendida pelo anúncio de uma live intitulada “Roda Bixa”, que faria parte de um projeto gayzista chamado “Criança Viada Show”, pago com recursos repassados pelo Governo Federal através da Lei Aldir Blanc. A polêmica foi tamanha que a Prefeitura da cidade, responsável pela destinação final das verbas, anunciou a suspensão do evento, assim como a destituição dos responsáveis pela seleção do projeto.

“Eventos como esse já aconteceram e está na hora de regularmos. Isso não tem a ver com a opção sexual das pessoas adultas, isso não é da conta do parlamento, mas é da nossa obrigação, prezarmos pela moralidade de nossas crianças”, afirmou Campagnolo.

O caso tomou repercussão nacional e com objetivo de evitar que esse tipo de ação, financiada com o dinheiro dos pagadores de impostos, possa acontecer nos municípios do estado de São Paulo, a deputada Leticia Aguiar protocolou o projeto no Legislativo Paulista, também para atender os inúmeros pedidos de pessoas que se manifestaram em suas redes sociais, “Não se trata de censura!, nem a arte ou a qualquer outro tipo de conteúdo, este projeto visa única e exclusivamente, preservar crianças e adolescentes e evitar que o erário seja utilizado para criar conflitos no seio da família paulista”, disse Leticia Aguiar.

A cantora Eliana Ribeiro, que tem atuação na comunidade a católica, tomou conhecimento dos projetos através das redes sociais e prontamente iniciou um movimento em favor da lei e em defesa das crianças.

Participe desta LIVE para conhecer melhor o projeto e junte-se a nós CONTRA A SEXUALIZAÇÃO INFANTIL.

COMENTÁRIOS:

Por favor coloque seu comentário!
Por favor entre seu nome aqui