Tecnologia, Atenção Básica e vacinação são prioridades de Secretário da Saúde de SP

Em cerimônia de transmissão de cargo, Eleuses Paiva destacou ainda a gestão de filas e prevenção de doenças, além de parceria com municípios

0
46
Posse Secretário da Saúde

Na cerimônia de transmissão de cargo, o Secretário de Estado da Saúde de São Paulo, Eleuses Paiva, reforçou o seu compromisso com a tecnologia para melhorar a qualidade no atendimento à população.

“Iremos investir em tecnologias digitais fortalecendo a Atenção Primária em Saúde e a integração com a assistência de Média e Alta Complexidade, promovendo assim a organização de redes assistenciais regionalizadas e hierarquizadas. Nosso objetivo é transformar o Estado em referência da saúde digital”, salientou o secretário, que ainda frisou a importância da prevenção de doenças e o reforço da cobertura vacinal.

O evento, na manhã desta segunda-feira (9), na capital, teve a presença do Governador de SP, Tarcísio de Freitas, do Vice-governador, Felicio Ramuth, do presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, Carlão Pignatari, do Secretário de Estado de Justiça e Cidadania, Fábio Prieto, e do ex-secretário da Saúde, Jean Gorinchteyn.

“São Paulo sempre foi referência em tudo, em especial em Saúde. Como referência vamos dar um salto tecnológico e levar a telemedicina para a ponta, aumentando a eficácia da Atenção Básica para descomprimir urgências e emergências” destacou o Governador do Estado de São Paulo, Tarcísio de Freitas, que apontou que este será um dos grandes trabalhos desenvolvidos pelo Secretário da Saúde.

Outro ponto importe da gestão será a parceria com municípios. “Quero aqui reiterar o meu entendimento de que o SUS é tripartite. Temos que trabalhar juntos: estados, municípios e união para alcançarmos um SUS com serviços de qualidade e de forma oportuna. Estamos abertos ao diálogo e ao trabalho conjunto em prol da população de São Paulo” disse o Secretário em seu discurso, que pontuou os principais desafios na atual gestão na área da Saúde, como a implantação de filas únicas, regionalizadas, que terão como o foco inicial os procedimentos oncológicos.

Paiva também apresentou para o auditório lotado de profissionais da Saúde e autoridades do Estado e dos municípios a preocupação com os leitos inativados e do trabalho de diagnóstico a ser realizado para reabri-los.

Eleuses Paiva é médico especializado em Medicina Nuclear e professor universitário na Famerp. Foi presidente da Associação Médica Brasileira, entre 1999 e 2005, e da Associação Paulista de Medicina, deputado federal e vice-prefeito de São José do Rio Preto.

COMENTÁRIOS:

Por favor coloque seu comentário!
Por favor entre seu nome aqui