Audiência Pública debate orçamento do Estado em São José dos Campos

0
328

A deputada Leticia Aguiar (PSL) participou nesta segunda-feira (9) da audiência pública para discutir a aplicação dos recursos do Estado no orçamento de 2020.

A audiência aconteceu na Câmara de vereadores da cidade de São José dos Campos, cidade natal de Leticia Aguiar, e foi presidida pelo deputado Castello Branco (PSL) que é membro da  Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento da Assembleia Legislativa de São Paulo, também esteve presente o deputado Ênio Tatto (PT).

A parlamentar acompanhou a audiência como a única deputada eleita por São José dos Campos e por ser a representante da região, e salientou a importância da participação das pessoas: “Para nós deputados é muito importante ouvir as pessoas para que possamos representá-las no parlamento”, disse.

Deputada Leticia Aguiar em entrevista
para a TV ALESP

O objetivo das reuniões, que acontecem em todas as regiões administrativas do Estado, é aprimorar os gastos e o orçamento estadual através da participação popular.
Cada participante teve 3 minutos para apresentar ideias e sugestões inscrevendo-se para falar durante o evento, cerca de 25 pessoas, dos mais de 80 presentes, foram ouvidas e todas as suas reivindicações registradas.

Foram várias demandas apresentadas pela população presente, entre elas a instalação de água e saneamento Básico pela SABESP nos loteamentos não regulamentados como a Comunidade da Vila São Matheus, muitos pedidos por reformas na Rodovia SP-50, pedido de uma nova unidade do Corpo de Bombeiros, recuperação de escolas, delegacias ruas e avenidas, coincidentemente as mesmas solicitações já foram encaminhadas ao Governados através de indicações feitas pela deputada.

A deputada Leticia Aguiar se solidarizou com as mães da Vila São Mateus: “São José é uma cidade grande mas ainda tem muitos contrastes, como é o caso da comunidade que está sem acesso a água, a minha solidariedade a vocês como mãe, cidadã e mulher, já estamos levando este problema para minha equipe técnica para estudarmos e unirmos força para que isso seja solucionado”, disse.

Para a parlamentar as audiências públicas são muito importantes: “Gostaria de ressaltar a importância das audiências públicas que é ouvir a população para que a gente possa fazer um mandato mais produtivo, não há dinheiro para tudo mas aqui podemos elencar as prioridades e colaborar para que o orçamento contemple verbas para estas prioridades”, finalizou a deputada.

As ideias e sugestões serão recebidas pela Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento e poderão se tornar emendas parlamentares à proposta de orçamento enviada pelo governador. O chefe do Poder Executivo tem até o dia 30 de setembro para enviar à Alesp o projeto de lei orçamentária para o próximo ano.

COMENTÁRIOS:

Por favor coloque seu comentário!
Por favor entre seu nome aqui