São José dos Campos é a quarta cidade do estado em geração de empregos

Estado de São Paulo foi responsável por criar 26,3% das vagas em 2023

0
149
vagas de emprego empregos formais

O Estado de São Paulo teve o maior saldo de vagas formais entre as 27 Unidades Federativas no ano passado. Foram gerados em 390.719 postos com carteira assinada, mais que o dobro do saldo dos estados que vêm em segundo e terceiro lugar: Rio de Janeiro (160.570 postos) e Minas Gerais (140.836 postos).

Os dados, divulgados na terça-feira (30) pelo Ministério do Trabalho e Emprego e compilados mensalmente em São Paulo pela Fundação Seade, se referem ao fechamento do ano do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados).

“São Paulo mais uma vez é o responsável por alavancar os empregos no país. Isso é o resultado do fortalecimento da economia em todos os setores em 2023. É mais geração de renda e mais oportunidades para os paulistas. Isso nos mostra que estamos no caminho certo,” afirma o governador, Tarcísio de Freitas

Esse resultado positivo do Estado de São Paulo vem da diferença entre as 7.189.138 admissões e 6.798.419 desligamentos.

O país teve saldo de 1.483.598 postos de trabalho, resultado de 23.257.812 admissões e 21.774.214 desligamentos.

Assim, o Estado de São Paulo foi responsável por criar 26,3% das vagas em 2023.

Além disso, o Estado de São Paulo registrou o maior salário médio de admissão entre as regiões e as Unidade da Federação no acumulado de janeiro a dezembro de 2023: R$ 2.329,68. No Sudeste, que teve o maior salário médio em 2023 entre as 5 regiões, o valor ficou em R$ 2.186,63. A média no país foi de R$ 2.037,94.

São José dos Campos

No acumulado do ano a cidade de São José dos Campos teve saldo positivo de 6.908 postos de trabalho, com isso ficou na quarta posição atrás apenas de cidades com maior população, como a capital paulista, Campinas e Guarulhos. Na Região Metropolitana do Vale do Paraíba que reúne 39 municípios, além de São José dos Campos, apenas outras três cidades apareceram com saldo positivo na geração de empregos, Taubaté com 3.159 postos e Pindamonhangaba com 2.016 postos de trabalho e Guaratinguetá com 1.396.

Veja os 50 municípios com maior saldo de vagas em 2023:

  1. São Paulo: 132.263
  2. Campinas: 13.205
  3. Guarulhos: 12.706
  4. São José dos Campos: 6.908
  5. Sorocaba: 6.218
  6. Ribeirão Preto: 6.178
  7. Santo André: 5.948
  8. Santos: 5.657
  9. Piracicaba: 4.928
  10. São Bernardo do Campo: 4.926
  11. Mogi das Cruzes: 4.667
  12. Paulínia: 4.318
  13. São José do Rio Preto: 4.309
  14. Osasco: 4.271
  15. Lençóis Paulista: 4.268
  16. Bauru: 4.197
  17. Cotia: 4.123
  18. Mauá: 3.952
  19. Indaiatuba: 3.815
  20. Santana de Parnaíba: 3.677
  21. Barueri: 3.440
  22. Praia Grande: 3.304
  23. Taubaté: 3.159
  24. Itaquaquecetuba: 2.934
  25. Presidente Prudente: 2.931
  26. Sertãozinho: 2.624
  27. Santa Bárbara D Oeste: 2.429
  28. Cajamar: 2.274
  29. Jundiaí: 2.244
  30. Araçatuba: 2.204
  31. Suzano: 2.031
  32. Pindamonhangaba: 2.016
  33. Diadema: 2.000
  34. Marília: 1.988
  35. Sumaré: 1.958
  36. Botucatu: 1.866
  37. Guarujá: 1.605
  38. Jaguariúna: 1.588
  39. Mogi-Guaçu: 1.553
  40. Carapicuíba: 1.552
  41. Catanduva: 1.552
  42. Chavantes: 1.541
  43. Hortolândia: 1.525
  44. Limeira: 1.472
  45. Cabreúva: 1.414
  46. Lins: 1.408
  47. Guaratinguetá: 1.396
  48. Matão: 1.380
  49. Salto: 1.323
  50. Atibaia: 1.304
  1. VEJA TAMBÉM:
  2. Não se Cale: cresce a participação de mulheres com emprego fixo inscritas no curso
  3. Poupatempo inicia atendimento para emitir Carteira de Identidade Nacional
  4. Governo de SP investe R$ 160 milhões em pontes e viadutos no interior
  5. Operação Carnaval terá reforço de 15 mil PMs e 6 mil viaturas em todo o Estado
  6. Secretário de Segurança Pública Derrite e deputada Leticia Aguiar prestigiam aniversário do CPI-1

    COMENTÁRIOS:

    Por favor coloque seu comentário!
    Por favor entre seu nome aqui